Grandes nomes participaram do 12º Festival de Cinema da Lapa
12/11/2019 10:34 em Cultura

De 07 a 10 de novembro, a Alameda David Carneiro recebeu a 12ª Edição do Festival de Cinema da Lapa. Este ano, a organização trouxe novamente grandes nomes da dramaturgia brasileira e ampliou a gama de atrações, todas gratuitas.

O Festival é promovido pelo Instituto Histórico e Cultural da Lapa e o Instituto Borges da Silveira e conta com o apoio da Prefeitura da Lapa.  A realização é do Ministério da Cidadania.

Mostra Fotográfica:

Nesta edição o Festival apresentou, em parceria com o Departamento de Cultura a mostra fotográfica “O Cinema no Olhar” que reúne 15 painéis com imagens históricas do cinema nacional. De curadoria de Jefferson Vaz e produção de Tiomkim, as fotos pertencem ao acervo do Museu da Imagem e do Som do Paraná e ficam expostas de 07 a 17 de novembro no Museu da Moda Ney Souza, no Calçadão do Centro Histórico. A entrada é gratuita. 

Oficinas de Audiovisual:

A organização do festival realizou oficinas de audiovisual, com a participação de alunos da rede pública. Os melhores curtas metragens foram premiados no encerramento do Festival, na Mostra Celulapa – Concurso FAEL de filmes com celular.

Seminário de Acessibilidade:

Para esta edição, a organização realizou o I Seminário Acessibilidade e Inclusão Educacional, no auditório da Faculdade Educacional da Lapa – FAEL. Já no sábado, 09, na tenda instalada na Alameda, aconteceu a Sessão Acessibilidade, com a exibição do filme “Maria do Caritó” com áudio-descrição.

Nomes:

Lília Cabral: Nascida e criada na Lapa, bairro da Zona Oeste de São Paulo, em 2013 protagonizou o remake Saramandaia, interpretando a empresária Vitória Vilar. Em 2014, interpreta Maria Marta, a vilã de Império, novela das nove de Aguinaldo Silva.

Por essa personagem, ganhou o Troféu Imprensa e o Prêmio Extra, ambos em melhor atriz. Em 2017 viveu Silvana, uma compulsiva por jogos, em A Força do Querer, de Glória Perez.

Em 2018, repete novamente a parceria com o autor Aguinaldo Silva, interpretando a milionária Valentina Marsalla, a grande vilã de O Sétimo Guardião.

Anselmo Vasconcelos: Ator de cinema, teatro e televisão. Na televisão, participou de telenovelas e minisséries, no humorístico bronco, exibido pela Band, e atualmente atua no humorístico Zorra, da Rede Globo.

Arlete Salles: A atriz, apresentadora, radialista e comediante Arlete Salles teve o seu papel de maior destaque na televisão como a ardente Copélia Rocha, no humorístico Toma Lá Dá Cá, uma série de sucesso exibido pela Rede Globo, entre 2007 e 2009 com um total de três temporadas.

Trabalhou, também, na Rede Manchete, tendo voltado depois para a Globo. Em 2011 Arlete voltou a atuar numa telenovela, após cinco anos de ausência, assumindo o papel da taxista Vilma Moreira Prado em Fina Estampa. Esteve em cartaz no teatro com a segunda versão da peça A Partilha de Miguel Falabella.

Júlio Rocha: O ator Júlio Rocha fez no cinema participações nos filmes Não Me Deixe em Casa de 2009 e eu odeio o Orkut de 2011.Em 2013, fez parte da novela Amor à Vida, interpretando o Dr. Jacques.

Licurgo Spinola: o ator teve diversas participações em seriados e novelas da Globo, com destaque para papéis em Malhação, Tempos Modernos e recentemente Os Dez Mandamentos.

Daniel Del Sarto: Iniciou a carreira na televisão em 2001 no seriado Sandy & Junior e logo depois participou da novela Desejos de Mulher.

Seu papel mais recente na televisão foi na novela do SBT, Cúmplices de um Resgate, onde interpretou o malvado Maurício, pai das gêmeas Isabela e Manuela, vividas por Larissa Manoela.

Daniel Rocha: Sua carreira teve início ainda na adolescência aos 16 anos. Em novembro de 2016, volta a TV na novela A Lei do Amor, onde interpreta o misterioso Gustavo, formando par romântico com Cláudia Raia.

Em abril de 2017, platina o cabelo para viver Japonês, um sequestrador em seu primeiro longa-metragem Sequestro Relâmpago. Em maio, estreia a peça Frames ao lado de Hugo Bonemer. Em junho, protagoniza ao lado de Fernanda Vasconcellos o longa Eu Sou Brasileiro. Em outubro, grava participação em um episódio da série Cidade Proibida.

Marcelo Argenta: Considerada uma carreira meteórica, o gaúcho Marcelo Argenta é ator, modelo e garoto-propaganda, atuando na televisão, no cinema e no teatro. Um papel marcante na carreira foi Vanderlei Brandão, em "Amor à Vida" de 1013.

COMENTÁRIOS